Todos os posts em: Gol Varzeano

Ex-atleta da várzea Sula é mais uma vítima da Covid-19

O ex-atleta da várzea e morador da região, João Pereira, mais conhecido como Sula, 70 anos, foi mais uma vítima da Covid-19. Sula faleceu na madrugada desta quarta-feira, 16 de junho, deixando um grande legado para o futebol amador da região e também para toda a sua família e amigos. Sula sentia orgulho de afirmar que possuía mais de 40 anos de futebol amador. Começou a jogar com 12 anos nas categorias inferiores do Clube Atlético Ibiaçaba, depois passou por várias equipes como União de Santa Inês, Clube Atlético Colorado e vários outros times das fazendas, todas no interior do Paraná.Quando mudou-se para São Paulo, Sula passou pelos principais clubes da zona sul, como o Nacional da Santo Afonso, Flamenguinho da Vila Joaniza, Ponte Preta da Vila Missionária, entre outros times. Sula atuou ainda em vários times de empresas por onde trabalhou sendo contratado por algumas apenas para jogar futebol. Atuou nas empresas Samal e Antartica. O Gol se solidariza com todos os amigos, conhecidos e principalmente a toda a família do Sula, por este …

Com o futebol suspenso, jogadores da várzea sofrem efeitos da pandemia

Atletas chegavam a receber entre R$700 e R$1000 na Baixada Fluminense. Não é só o futebol profissional que sofre os efeitos da pandemia do coronavírus. No Rio, enquanto a Ferj e clubes calculam o prejuízo financeiro e avaliam o momento de voltar às competições, os jogadores do futebol de várzea compartilham incertezas. Mesmo com orçamento muito menor do que o praticado no futebol profissional, ainda assim, o futebol amador é o que garante uma parte importante da renda de seus atletas, que agora sofrem com os campeonatos interrompidos. Douglas Castanheira é um deles. Morador do município de São João de Meriti, antes da pandemia, ele projetava jogar três competições na Baixada Fluminense nos próximos meses, por times diferentes. Douglas foi jogador profissional, e defendeu clubes tradicionais do Rio, como o América, Portuguesa-RJ e Bonsucesso. Hoje, tem 30 anos e está aposentado das competições oficiais, mas a experiência e a qualidade fazem dele um nome cobiçado na várzea. Consequentemente, é remunerado em boa parte dos jogos. Se os campeonatos estivessem em andamento, o jogador estima que …

Congregação mariana é campeão da Copa Ferradura

A tradicional equipe da Zona Sul de São Paulo, Congregação Mariana sagrou-se campeã da Copa Ferradura no último final de Semana ao derrotar o time de Diadema Amor e Cana por 1 x 0. O torneio teve início em julho, com a presença de 64 times divididos em duas chaves de 32. Ao todo, o campeonato teve um total de 127 jogos, todos os jogos ocorreram no CDC Ferradura. Com a vitória, o time recebeu um prêmio de R$ 14 mil. Veja as fotos da partida https://photos.google.com/share/AF1QipMwGICIT-dOGWj98U_CPTF40LDUWRAFnbjaHzceo9Mt8sryYg5O0rdMlM0z0oZoyw?key=bWs3a2RfLWJTN1BTRkhMUnphbVpxd0hzM2dVLVlB