Todos os posts em: Crônica

Você é o que você paga

Por Sérgio Pires – Nossas vidas estão associadas às várias contas que temos que pagar em nosso dia a dia e temos que nos orgulhar de algumas e nos decepcionar com a maioria delas. Algumas fazem jus ao que necessitamos, mas a maioria não serve absolutamente para nada. Começo por este que voz escreve estas linhas, que ao checar meu extrato bancário me decepcionei ao notar em tantas futilidades, mesmo andando sem nenhuma moeda ou nota na carteira ou no bolso, apenas o cartão do banco, que é a prova cabal, pois deixa um enorme rastro no extrato. Antes, andava com dinheiro vivo, e o meu rastro era o número de objetos que acumulava em casa, como a revistas, jornais, cds, discos e livros. Hoje tenho uma coleção enorme destes objetos, uma coleção de aproximadamente 1 mil discos, hoje reduzida a 500, e o mesmo número de CDs, entre outras tranqueiras que acumulam os espaços de casa. O escritor Oscar Wilde, dizia que a pessoa é o que ela lê. Neste mesmo raciocínio eu levava …

Você ainda mora no mesmo lugar?

Sim. É o que respondo quando me perguntam onde moro. Ainda é o mesmo lugar, desde os tempos de criancinha (foi ontem!), quando jogava bola descalço no asfalto novo. As meninas com pedaço de tijolo baianinho faziam aquelas amarelinhas e de vez em quando tentávamos ir do céu ao inferno. Passava quase nenhum carro, pois quase ninguém tinha. Os poucos eram demorados, e como é descida, sempre um de nós ficávamos atrás do gol para pegar a bola e de vez em quando avisar os times que vinha carro, ou quando passava alguma mulher com criança no colo. Conhecia todo mundo, ficava o dia inteiro na rua. Só entrava em casa para almoçar ou jantar.Hoje perdi a paciência. Ao chegar na Rua Santo Afonso, fiquei 15 minutos presos em um trânsito daqueles. Mas daqueles mesmos de ficar nervoso, pois ali, até dias atrás, a rua mal aparecia no mapa, e agora ela foi promovida: é avenida.Devido ao movimento, muitas casas, cederam espaço ao comércio. Com isso, muitos amigos deixaram o local. Agora, em menos de …